O que é Dieta Dukan?

A dieta Dukan consta de um método que promete emagrecimento rápido a partir da estruturação de 4 fases complementares. As duas primeiras fases estabelecidas pelo método Dukan, servem para emagrecer, já as duas últimas, foram criadas como forma de proporcionar suporte para a manutenção do peso e estabilização da balança.

Através destas fases encontramos algumas regras impostas pelo método, elas compreendem desde caminhadas ao consumo de alimentos específicos e água.

A implementação deste método pode ser desafiadora para a maioria das pessoas, pois estão liberados apenas 100 tipos de alimentos entre legumes e proteínas, o que significa uma mudança radical na rotina diária de qualquer um, além da necessidade de se aprender novas receitas culinárias e submeter o paladar a novos tipos de alimentos. Mas além de tudo isso, é terminantemente proibida a adição de qualquer tipo de gordura no cardápio representado nas primeiras fases do método, até mesmo o benéfico azeite deve ser eliminado da dieta nos primeiros dias.

Para utilizar a dieta Dukan, é preciso obter a tabela de alimentos e a disponibilização dos mesmos. Assim, é possível seguir o método de forma segura e completa. O escritor francês Pierre Dukan relacionou cada um deles em seu livro de maior sucesso, o mesmo que descreve o famoso método.

Origem da dieta Dukan

O criador da dieta Dukan é conhecido como Pierre Dukan, um nutricionista e escritor francês que ficou famoso após o lançamento de seu livro “Eu não consigo emagrecer”. Algumas celebridades adotaram o método do escritor que logo se tornou reconhecido em todo o mundo.

Neste livro Dukan relaciona uma lista de alimentos a serem consumidos durante o dia para eliminação de peso e conquista do emagrecimento saudável. Além da recomendação específica de alguns tipos de alimentos como, farelo de aveia e água, há uma relação de carnes grelhadas para serem consumidas durante as refeições.

Embora a versão de Dukan seja baseada em carnes magras, sua dieta não deixa de ser uma referência ao método de Atkins.

O método de Atkins foi criado na década de 60 por um americano que defendia o consumo indiscriminado de carnes gordas, além de, bacon, como forma de emagrecimento rápido. Mas os nutricionistas e médicos cardiologistas reagiram contra a recomendação desta dieta, alegando que o consumo exagerado deste tipo de gordura ocorreria em um possível aumento do colesterol ruim e consequentes problemas cardiovasculares. Logo, a versão de Dukan, que consta de apenas carnes magras como, peixes, frangos frescos e gorduras boas, alcançou maior sucesso.

A cultura francesa também pode ter influenciado na criação dos cardápios que constam nas fases da dieta Dukan, já que na França o consumo de bacon e fast food não é tão comum como nos Estados Unidos, e o cardápio alimentar das famílias francesas tende a valorizar alimentos frescos e saudáveis.

As fases da dieta Dukan

A dieta Dukan consta de 4 fases:  Ataque, Cruzeiro, Consolidação e Estabilização. Conheça cada uma delas.

Fase Ataque

Nesta fase é permitido que se alimente de todo tipo de carne magra como, peixes frescos, ovos e frango, além de outros tipos de proteína animal como leite e derivados. Porém é importante ressaltar que nenhum destes alimentos deve conter qualquer tipo de gordura, até mesmo durante o seu preparo. Para preparar as carnes grelhadas é recomendado o mínimo de óleo possível, enquanto o leite deve ser desnatado e, os iogurtes comprados nos supermercados, devem conter O% de gordura em sua composição. Dos ovos só se aproveita as claras, ricas em proteínas, as gemas possuem alto teor de gordura e devem ser evitadas.

O farelo de aveia deverá ser o seu melhor amigo, ele atua como fonte de energia, principalmente nesta fase em que só é permitido o consumo de proteínas. Beneficie-se de apenas uma duas colheres do mesmo por dia.

O sal dos alimentos deve ser reduzido e substituído por limão e ervas usadas para tempero. O maior problema do sal é a sua capacidade de reter líquidos.

A quantidade de alimentos a serem ingeridos nesta fase é indeterminada e esta dieta deve ser aplicada durante um período mínimo de 5 dias. Para aliviar o estresse e conter a ansiedade, caminhe e pratique esportes.

É recomendado também o consumo de pelo menos 2 litros de água por dia, contando com chás ou café sem açúcar ou com adoçante de aspartame. A água auxilia no bom funcionamento dos órgãos, e auxilia na eliminação da retenção de líquidos. Em uma semana é possível que se perca até 2 kg, e então se inicia a próxima fase da dieta.

Fase Cruzeiro

Na segunda fase da dieta Dukan, conhecida como fase Cruzeiro, é permitido o consumo de legumes e verduras, mas os tubérculos como batatas, ainda estão restritos. Você perceberá que emagrecerá mais lentamente a partir da implementação desta segunda tabela de alimentos, porém o emagrecimento deverá ser contínuo.

O consumo de água recomendado ainda é o mesmo nesta fase, porém, refrigerantes e sucos ainda estão fora da lista, mesmo os refrigerantes diet devem ser restritos. Os sucos de frutas naturais, principalmente os sucos de manga e laranja, embora nutritivos e saudáveis, ainda são muito calóricos e prejudicam a perda de peso, por isso não é recomendado para quem está na fase de emagrecimento rápido. Para emagrecer é preciso manter uma disciplina regular e evitar as calorias.

Praticando esta tabela você alcançará o seu objetivo, e então poderá passar para a fase de manutenção de peso. Nesta fase as frutas e sucos estão liberados, é a chamada fase da Consolidação.

Fase da Consolidação

A fase da consolidação permite para quem está praticando esta dieta, o consumo de frutas, massas, e pães integrais, de maneira controlada. Mas não inclui o consumo de alimentos preparados com farinha branca ou arroz branco. A farinha branca está terminantemente proibida, pois possui elementos que impedem a distribuição adequada de insulina pelo nosso organismo, e gera excesso de açúcar na circulação sanguínea. Este excesso, por sua vez, é transformado em gordura.

A fase da consolidação permite que você inicie a estabilização do seu peso, é a fase mais longa do método e pode durar até 50 dias. Por isso há algumas regras facilitadoras, como por exemplo, 2 jantares livres durante a semana, desde que na quinta-feira se pratique a fase do ataque, que diz respeito somente ao consumo de proteína.

O farelo de aveia passa a ser recomendado todos os dias, e deve ser adequado à dieta de maneira inteligente, pois em altas doses, ou combinado com determinados alimentos, gera calorias.

Fase da Estabilização

Durante a fase da estabilização você apenas deverá manter a dieta balanceada e as quintas-feiras de “Ataque”, além do consumo de água e a prática de exercícios físicos. Esta deverá ser uma medida para toda a sua vida. Somente assim você poderá contar com um peso adequado e saúde em dia para sempre.

Recomendações para quem quer praticar a dieta Dukan

Praticar qualquer tipo de dieta já é bastante complicado, mas uma dieta que exige a mudança de hábitos alimentares de forma extremamente radical pode ser pior ainda. Sendo assim, procure grupos de apoio, como aqueles que se reúnem para participar de maratonas de corrida, consulte-se com um nutricionista e, crie metas e objetivos.

Nesta dieta você não deve usar outro farelo que não seja o farelo de aveia recomendado, este farelo auxilia na eliminação de células de gordura no organismo, melhora a função intestinal e reduz o volume do abdome, e também contribui para o seu acúmulo de energia, essencial para a realização das tarefas do dia e a prática de exercícios.

Evite também, adoçantes que não sejam feitos à base de aspartame, este é o único adoçante recomendado pelo método. Ele possui uma função adoçante oito mil vezes maior que o açúcar, e colabora para uma redução de calorias diárias.

Durante esta dieta procure estabelecer disciplina rigorosa e não coloque tudo a perder criando regras próprias como, o consumo de shakes ou detox entre as fases estruturadas. É impossível emagrecer mais rápido e de maneira saudável do que através das fases apresentas nesta dieta.

As dietas são programadas para fornecer ao corpo, nutrientes e energia ideais para a manutenção da saúde e disposição física, qualquer intervenção própria neste método, interfere sobre o efeito de emagrecimento esperado.

Manter a disciplina é essencial para quem procura resultados. Então seja extremamente disciplinado. Embora não haja uma quantidade estipulada de alimentos a serem consumidos durante o dia, muitas pessoas podem sofrer com a falta de carboidratos e comprometer as fases da dieta, especialmente a fase de Ataque, que é considerada a mais difícil entre todas elas.

Siga corretamente todas as fases do método. Não é recomendado começar pela fase “Cruzeiro”, por exemplo, enquanto você pula a fase mais difícil que é a fase “Ataque”. A primeira fase é aquela que mais oferece resultados, e pode durar de dois a até 10 dias, dependendo do quanto o praticante precisa emagrecer.

Caso você apresente algum problema de saúde como colesterol alto, problemas do coração ou outro, consulte um médico antes de se decidir por aplicar o método. Existem complicações decorrentes do consumo excessivo de proteína que precisam ser evitados como infarto.

Vantagens da dieta Dukan

Entre as vantagens da dieta Dukan, temos o rápido emagrecimento, que ocorre, principalmente, durante a fase de Ataque. É um período difícil da dieta, pois restringe o praticante ao consumo essencial de proteínas como carnes magras, leite e clara de ovos. Nesta fase a perda de peso é percebida logo nos primeiros dias, pois na falta de carboidratos o corpo transforma gordura em energia, onde o emagrecimento é potencializado.

Outro benefício da dieta Dukan é a sensação de saciedade favorecida pela proteína. Como a proteína é de digestão mais lenta, os praticantes desta dieta sentem menos vontade de se alimentar durante o dia. Mas não passar fome e se sentir frustrado depois, faz parte do conceito estrutural desta dieta, já que não há limites exatos que inibam a quantidade de alimentos a serem consumidos durante o processo. Ou seja, é permitido que você defina as porções de alimentos a serem consumidos, desde que, mantenha a restrição de prescrita.

Pontos negativos da dieta Dukan

A dieta Dukan restringe alguns tipos de alimentos, principalmente os carboidratos que são os responsáveis por favorecer que tenhamos energia. Sendo assim, algumas pessoas podem sofrer tonturas e fraqueza durante algumas vezes do dia. Em alguns casos ocorrem desmaios.

Mas há outros riscos a serem considerados como, problemas do coração, infarto e AVE. A possível ocorrência de complicações como estas são muito importantes, e devem ser consideradas diante da aplicação dos métodos desta dieta. Esta atenção se deve ao alto consumo de proteína animal. A proteína animal possui uma grande quantidade de gordura saturada, muito ruim para quem sofre com colesterol. As placas gordurosas podem causar entupimento das veias e consequentes problemas de saúde. Somente um médico poderá dar autorização para a realização de algum tipo de dieta restritiva como esta.

Os rins também podem ficar comprometidos a partir do consumo essencial de proteína animal devido a uma sobrecarga do órgão. A amina, um grupo de aminoácidos eliminado pelos rins pode se tornar excessivo de maneira a comprometer os rins e causar o desenvolvimento de um quadro crítico de insuficiência renal.

Mas além de tudo isso, há um agravante que pode comprometer toda a dieta, que é o desconforto gástrico. Como a proteína permanece mais tempo no estômago, ela é capaz desencadear uma digestão complexa, muitas vezes incômoda.

De qualquer forma, antes de se aventurar numa dieta tão restritiva como a dieta Dukan, convém consultar um médico e um nutricionista para acompanhamento. Assim, caso se sinta mal durante o processo de emagrecimento, alterações e medidas preventivas poderão ser tomadas rapidamente.

A dieta Dukan se tornou uma dieta da moda, então, embora seus efeitos possam ser comprovados, convém conter o entusiasmo e observar todas as suas especificidades e compará-las com o seu estado de saúde atual. Pessoas com obesidade geralmente apresentam colesterol alto e problemas do coração que podem ser fatores negativos na aplicação desta dieta.